O cinema tem a força da narrativa fílmica e a complexidade da arte, que pode ser compreendido através da linguagem, dos símbolos, imagens , valores e do sentir. As histórias contadas, fictícias ou reais em seus mais diversos contextos, despertam no expectador emoções, reflexões, críticas e interpretações. Sob esta ótica, a criminologia cinematográfica, ao abordar diversas áreas do direito local e internacional, torna-se importante para o direito comparado , pois ainda que ficcional, se constitui em um verdadeiro instrumento da compreensão de realidades. Nosso objetivo é produzir conhecimento a partir da inserção da arte cinematográfica no debate das relações carcerárias visando a construção de novas sensibilidades jurídicas destinadas aos espaços prisionais, principalmente em relação aos direitos fundamentais e aos direitos humanos.

A experiência cinematográfica é um poderoso instrumento de crítica social, o que possibilita a expansão da capacidade do pensamento crítico, além de ser uma forma de sentir e perceber as emoções empaticamente. Escolhemos inicialmente quatro filmes que tratam do contexto penal como indicação aos interessados nessa temática. Bom filme!

CARANDIRU

Baseado no Livro “Estação Carandiru” de  Dráuzio varella, no qual o médico relata  suas experiências durante os anos que trabalhou na Casa de Detenção São Paulo, conhecida como Carandiru, o maior presidio da América Latina. No filme, o médico se oferece para realizar um trabalho de prevenção a AIDS no Carandiru. Lá, ele passa a conviver com a realidade dos cárceres, que inclui violência, superlotação das celas, e precariedade nas instalações, mas também percebe, que apesar disso, há solidariedade e organização entre eles. O Carandiru foi desativado e demolido em 2002, após o massacre ocorrido em suas dependências, sendo seu último uso esta filmagem.

Ano: 2003 Direção: Héctor Babenco Roteiro: Dráuzio Varella, Hector Babenco, Fernando Bonassi e Victor Navos

Elenco : Aida leiner, Ailton Graça, Caio Blat, Gero Camilo, Ivan de Almeida, Lázaro Ramos, Luís Carlos Vasconcelos, Maria Luiza Mendonça, Milton Gonçalves, Rodrigo Santoro, Rita Cadillac , Wagner Moura e grande elenco.

Duração: 145 minutos Gênero: Drama/crime/policial Origem : Argentina/Brasil


NA PRÓPRIA PELE : O CASO STEFANO GUCCHI

Stefano Cucchi foi o protagonista de um dos mais controversos casos judiciais da história da Itália. Stefano foi detido pela polícia em 2009, suspeito de atividades criminosas e acusado de posse ilegal de drogas. Dias depois, ele foi encontrado morto em sua cela preventiva, em estado de desnutrição e com diversos hematomas. As investigações do caso reverberam até hoje e evidenciam um lado sombrio do sistema judicial italiano. Baseado em história real, trata de temas como a repressão policial, ilegalidades do sistema prisional, e violação ao Direitos humanos.

Ano: 2018 Diretor: Alessio Cremonini Duração: 1h 40 min Gênero: Drama Origem: Itália – Netflix

Elenco principal:  Alessandro Borghi, Jasmine Trinca, Max Tortora, Andrea Lattanzi, Mauro Conte

OLHOS QUE CONDENAM

Mini série em quatro capitulos. Conta a história de cinco jovens negros do Harlen (EUA) que foram injustamente acusados por estupro. O filme baseado em história real, revela um polêmico caso de erro judiciário. Aborda temas como o racismo, a violação dos direitos humanos e dos direitos à ampla defesa , além de revelar abuso de poder contra crianças e adolescentes.   

Ano: 2019 Direção e Roteiro: Ava DuVernay Duração: 296 minutos Gênero: Biografia/Drama Origem:  EUA- Netflix

Elenco: Vera Farmiga, Felicity Huffman, Jonh Leguizamo, Jharrel Jerome, Michel K.Willians, Caleel Harris, Marquis Rodriguez, e grande elenco.

CRIMES DE FAMILIA

Crimes de Família conta a história de um casal de classe média alta na Argentina que vê seu filho preso acusado de estupro e agressão contra sua ex esposa. Paralelo a isso se desenrola a história do crime cometido pela empregada da família. Casos distintos e simultâneos, que vão sendo revelados de forma fragmentada, tendo como pano de fundo ,o contexto sócio econômico dos personagens e suas influências e consequências frente ao crime. Aos poucos os mistérios vão sendo revelados, alterando nosso olhar diante dos fatos e o dos envolvidos. Trata de temas como violência contra mulher, imputabilidade, e discriminação social. 

Ano: 2020 Direção: Sebastian Schindel Duração: 1h 39 min Gênero: Drama Policial Origem: Argentina

Elenco Principal: Cecília Roth, Benjamin Amadeo, Yanina Ávila, Miguel Angel Solá, Sofía Gala